ADERIR CORRETAMENTE AO TRATAMENTO É ESSENCIAL PARA BONS RESULTADOS!

A Síndrome Coronariana Crônica (SCC) possui tratamento! 1-2

O tratamento da Síndrome Coronariana Crônica (SCC)  pode ser feito com uso de medicamentos (tratamento farmacológico) ou com outras estratégias mais invasivas (procedimentos cirúrgicos e outros), mas sempre associado a mudanças para um estilo de vida mais saudável. 1-2

Quando falamos no tratamento da SCC feito com uso de medicamentos (tratamento farmacológico), estamos nos referindo aos medicamentos que ajudam no controle das dores no peito (angina) e outros sintomas, ou de medicamentos que ajudam o seu coração a gerenciar melhor o consumo/gasto de energia pelo seu músculo cardíaco (do coração) ou ainda de medicamentos que agem protegendo e tratando cada uma das células do seu coração.1-2

Já, ao nos referirmos às estratégias mais invasivas no tratamento da SCC,  estamos falando sobre procedimentos como a angioplastia e a cirurgia de revascularização do coração, como a “ponte de safena”, que são utilizados para combater as obstruções das artérias do coração pelas placas de gordura acumuladas. 1-2

Procure sempre seu médico, ele sabe qual o melhor tratamento para você!

Quaisquer das estratégias de tratamento da SCC definidas pelo seu médico serão associadas a mudança dos hábitos de vida: praticar exercícios regularmente, comer mais saudável e diminuir consumo de álcool e fumo, por exemplo! Essas mudanças de hábito irão impedir a formação ou progressão de placas de gordura (aterosclerose) no seu coração e a evolução da doença. 1-2

E lembre-se de seguir todas as orientações médicas, pois o alívio dos sintomas garante maior bem-estar no dia a dia e o tratamento indicado pelo seu médico irá te auxiliar a ter mais qualidade de vida, inclusive para voltar às atividades da sua rotina. 1-2

 

Seguir a orientação médica é essencial para controlar os sintomas e reduzir o risco da evolução da Síndrome Coronariana Crônica (SCC)! Nunca interrompa seu tratamento sem falar com seu médico!

 

Referencias:

  1. CESAR, L. A. et al. Diretriz de doença coronária estável. Arquivos brasileiros de cardiologia, v. 103, n. 2, p. 01-59, 2014.
  2. KNUUTI, Juhani et al. 2019 ESC Guidelines for the diagnosis and management of chronic coronary syndromes: the Task Force for the diagnosis and management of chronic coronary syndromes of the European Society of Cardiology (ESC). European heart journal, v. 41, n. 3, p. 407-477, 2020.